Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Governo Federal inaugura um dos últimos trechos sem asfalto da BR-316/AL

Notícias

Governo Federal inaugura um dos últimos trechos sem asfalto da BR-316/AL

O evento de inauguração foi realizado no KM 37 da rodovia na sexta-feira (19)
por publicado: 22/01/2018 15h24 última modificação: 22/01/2018 15h24

Quem trafega pelo sertão do noroeste alagoano ganhou mais rapidez e segurança no trânsito. Isso devido a pavimentação do Segmento 2 da BR-316/AL, que foi inaugurado pelo Governo Federal nesta sexta-feira (19). A aplicação do asfalto no trecho de 12 km, que começa na altura da cidade de Canapi até o distrito de Carié, na intersecção com a BR-423/AL, atende a um anseio antigo da população, que se sentia isolada devida a dificuldade de acessar a cidade com a rodovia não asfaltada.

Com desenlace de fita e descerramento de placa inaugural, a solenidade de inauguração contou com a presença do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, do ministro do Turismo, Marx Beltrão, e do diretor geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes  - DNIT, Valter Casimiro.

Desde novembro de 2016, o DNIT executa a implantação e pavimentação da BR-316/AL. A segunda parte das obras, no total de 37 quilômetros entre Inajá e Canapi, já foi 80% executada e tem previsão de conclusão para março deste ano. Com a conclusão das duas partes, a rodovia estará totalmente asfaltada no estado, ou seja, serão, assim, 297 quilômetros de extensão de estrada pavimentada.

O investimento de cerca de R$ 60 milhões resulta em uma das mais modernas rodovias e com padrão superior de qualidade quando comparada com outras estradas de tráfego semelhante no estado. A rodovia conta com largura total de 12,6 metros, com faixa de rolamento de 3,60 m e acostamento de 2,5 m, além de um sistema de drenagem completo, com bueiros, sarjetas, valetas, meio-fio e drenos. Para proporcionar uma maior segurança, as curvas são suaves e com sinalização que seguirá o melhor padrão nacional (BR-Legal).

“A pavimentação dessa rodovia, que liga Maceió ao agreste e sertão era uma das obras mais esperadas pelo povo alagoano. Além dessa integração, ela também liga os municípios do estado ao sertão pernambucano, conectando-se à uma rede federal pavimentada. Por isso, a conclusão dessas obras vai proporcionar mais segurança e conforto dos usuários, além da redução do tempo de viagem e de fretes, dinamizando toda a economia local”, afirmou o ministro Maurício Quintella.

A obra de Implantação e Pavimentação da BR-316/AL tem acompanhamento da Gestão Ambiental da rodovia, executada pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). O empreendimento segue os preceitos da Política Ambiental do Ministério dos Transportes e as medidas de compensação exigidas pelo licenciamento ambiental federal, conduzido pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA).

22/01/2018

ASCOM/DNIT/AL - Gestão Ambiental